PIX E CARTÃO DE DÉBITO TERÃO LIMITES PARA TRANSFERÊNCIA

Como forma de aumentar a segurança dos usuários, o Banco Central informou nesta sexta-feira (dia 27) que implementará mudanças em meios de pagamento. Uma delas é limitar transferências bancárias, Pix ou de cartões de débito a R$ 1 mil para o horário entre 20h e 6h.

O BC explicou que as medidas estão “em implementação”.

“Entre as medidas em implementação, cabe destacar: estabelecer limite de R$ 1.000,00 para operações entre pessoas físicas (incluindo MEIs) utilizando meios de pagamento em arranjos de transferência no período noturno (das 20 horas às 6 horas), incluindo transferências intrabancárias, Pix, cartões de débito e liquidação de TEDs”, afirmou a autoridade monetária em nota.

Prazos pra limites entrarem em vigor serão maiores

O BC informou ainda que será estabelecido “prazo mínimo de 24 horas e máximo de 48 horas para a efetivação de pedido do usuário, feito por canal digital, para aumento de limites de transações com meios de pagamento (TED, DOC, transferências intrabancárias, Pix, boleto, e cartão de débito), impedindo o aumento imediato em situação de risco”.

Outro ponto que será mudado pelo BC é a possibilidade que os clientes estabeleçam limites de transações Pix diferentes para os períodos diurnos e noturnos, permitindo limites menores durante a noite.

Além disso, os usuários poderão cadastrar contas que poderão receber Pix acima dos limites estabelecidos, permitindo manter limites mais baixos para as demais transações –nesses casos, o prazo mínimo para que esse cadastramento surta efeito é de 24 horas antes.

As instituições financeiras do Pix ainda poderão reter uma transação por 30 minutos durante o dia, ou 60 minutos durante a noite, para analisar o risco da operação, informando o cliente sobre essa retenção.

“Em conjunto, essas medidas, bem como a possibilidade de os clientes colocarem os limites de suas transações em zero, aumentam a proteção dos usuários e contribuem para reduzir o incentivo ao cometimento de crimes contra a pessoa utilizando meios de pagamento, visto que os baixos valores a serem eventualmente obtidos em tais ações tendem a não compensar os riscos”, afirmou o BC.

Blog do Rosálio Daniel por , 6 Minutos – São Paulo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *